Homossexuais protestam contra Os Simpsons

O episódio especial de Halloween em Os Simpsons, que obteve a maior audiência dos últimos 5 anos, não garantiu a risada de alguns americanos. 
Após a sua exibição, a GLSEN, que é uma associação formada por gays e lésbicas, enviou uma carta de repudio a um dos diálogos transmitidos durante a atração.
A insatisfação do grupo é argumentada por uma das falas entre Nelson e Milhouse. Segundo eles, a fala em que o bad-boy classifica o colega nerd de "super gay" e "muito gay" estava em um contexto que permitia uma interpretação negativa para os que são homossexuais.
Embora não haja nenhum sinal de processo ou de formalização legal da queixa, a GLSEN aproveitou o envio do documento para anexar uma sugestão de reparar o erro.
Eles sugerem que Nelson visite ao site ThinkB4YouSpeak (que em português significa "Pense antes de falar") e peça desculpas a Milhouse via internet.

Fonte: Na Telinha